Pesquisar neste blogue

terça-feira, abril 25, 2006

E foi o Povo que elegeu estes filhos de puta!

8 comentários:

Mário Moniz disse...

Estes e outros. Mas, bem piores que estes são os de quem esperamos uma coisa e..., sai-nos outra.

Dra.Daniela Mann disse...

Olá!
Gostaria de ter este link, mas no meu blog são as visitas que se linkam! Por isso e se for da sua vontade, vá até lá e clique no logotipo do "Páginas Amar-ela", o dos morangos, para fazer o registo e adicionar o seu blog!
Um abraço amigo,
Dani

Anónimo disse...

"dra"?... dra. de quê?...

bolotavoadora disse...

Amigo gostei muito do teu blog. Se conheceres alguem na minha freguesia, ou mesmo a qualquer blogger interessado em preservação do ambiente, divulga o meu blog. Obrigado. Continua o bom trabalho. Um abraço.

Periquito disse...

O pior é que continua... a elegê-los!

mitro disse...

Não é de admirar!
Os votantes quem são? Na sua maioria velhos caquéticos que já não distinguem a sua direita da sua esquerda e mulheres que acham que o Dr. Acabado é linndddoooo!

'Tá tudo dito!

MMP disse...

É mesmo da esquerda, quando ganha as eleições, "é uma grande vitória do povo", quando perde, "o povo não sabe votar." É precisamente por os eleitores não serem burros que não votam em quem, repetidamente, insulta a sua inteligência. A esquerda não tem a exclusividade dos saberes, apesar de pensar que sim.

Anónimo disse...

Realmente!!!!
A esquerda não tem a exclusividade dos saberes.
As exclusividades da esquerda são armas que se voltam contra ela própria:
-A franqueza
-O idealismo
-A ingenuidade
-A solidariedade
-A capacidade de perdoar
... e mais algumas do género.
Se a esquerda fosse dissimulada, rancorosa, implacável, má e subversiva como a direita, alguns fascistas não tinham pio agora.
Balas em vez de cravos é que tinha sido em 1974.